Exercícios físicos ajudam ou prejudicam as varizes?

Uma dúvida muito comum de quem tem varizes, é se os exercícios não podem acabar prejudicando o quadro.

Então, as varizes, aquelas veias dilatadas e insuficientes, não devem ser usadas como desculpa para evitar a realização de atividades físicas, na verdade, se exercitar é uma das formas de tratar o problema.

Vale ter em mente que, embora qualquer veia possa ficar varicosa, as varizes são mais comuns nos membros inferiores, causando mais pressão nas pernas ou pés, dependendo do tempo que ficamos em pé ou sentados, por isso, é tão importante se movimentar.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV), uma das maneiras mais eficazes tratar as varizes e impedir a piora dos seus sintomas é, justamente, apostando em uma rotina de exercícios físicos.

Mas, se por um motivo ou outro, a ida à uma academia é inviável, isso não deve servir de desculpa para não colocar na rotina os exercícios físicos.

Exercícios físicos melhoram a circulação do sangue

Não pode ir à academia, seja por problemas financeiros ou por não ter tempo? Então, invista em caminhadas, que podem ser feitas em qualquer lugar, a qualquer hora, ou então, pular corda, dançar, pedalar na bicicleta ergométrica, fazer agachamentos, exercícios que podem ser feitos com o peso do próprio corpo.

Tenha em mente que o importante é fazer o que o seu corpo permite e, claro, com a orientação de um profissional. Se estava sedentário, procure ir com calma e para ter ainda mais resultados recomendamos usar o creme varizero pois ele contribui muito para melhora das varizes.

O importante é entender que as veias se tornam varicosas, dilatadas e tortuosas, quando há algum problema na circulação sanguínea, e que manter o corpo em uma mesma posição, por muito tempo, e ter hábitos sedentários, são algumas das principais causas de piora da doença.

Por isso, é muito importante procurar se manter ativo, sempre que possível, pois o exercício físico auxilia no retorno venoso, ou seja, na volta do sangue dos pés e braços para o coração.

Agora já sabe, falta de tempo, ou dinheiro, não devem mais servir de desculpas para não praticar alguma atividade física, qualquer tipo de prática, desde que não tenha excesso de peso é benéfica.

Como evitar complicações com varizes

Rompimentos por causa de traumas, é só uma das muitas complicações que as varizes podem causar, por isso, toda atenção é pouca a qualquer sinal de piora no quadro e, se for preciso, deve-se procurar a ajuda de um especialista.

Assim, caso perceba sinais como inchaço nas pernas, sensação de pés ou pernas geladas, mudança na coloração dos pés e avermelhamento da perna, é fundamental procurar, o mais rápido possível, um angiologista, pois esses são sintomas graves, e requerem cuidados urgentes.

Mas, sem dúvida, a melhor forma de prevenir possíveis complicações com varizes, é evitando os fatores de risco. Assim, assumir bons hábitos é fundamental, como fazer exercícios físicos, parar de fumar, evitar ganhar peso, procurar conversar com o médico sobre o uso de medicamentos anticoncepcionais, além de, claro, procurar manter uma alimentação saudável.