Quais os melhores livros de ficção científica

Eleger os melhores livros de ficção é uma tarefa bem difícil. Este tipo de literatura demorou para se expandir e isto só aconteceu após a evolução da ciência moderna e as transformações da física, biologia e química.

Os romances de Júlio Verne são vistos como um marco que deu início as ousadas literaturas de ficção cientifica. Este gênero marca o encontro entre a arte e a ciência.

Mas não se engane, quando mencionei Romance no parágrafo anterior, não tem nada a ver com romances em si, então se você entrou aqui procurando por  um resumo do livro a culpa é das estrelas ou qualquer outro tipo de livro meloso, saiba que não é deste tipo de romance que estamos falando aqui, e sim sobre os clássicos da ficção.

Seja o leitor um nerd, um curioso ou mais um apaixonado pela tecnologia irá concordar que algumas obras de ficção não podem faltar na sua coleção.

Apesar de ser difícil, selecionamos 4 obras que são consideradas notáveis. Se você é um leitor assíduo de obras de ficção cientifica, pode até discordar, mas estes destaques se devem ao fato de os autores promoverem uma revolução no modo de pensar do leitor ou pelo menos leva-lo a uma reflexão.

  1. Guerra do Velho – John Scalzi

John Scalzi é um dos autores que mais se destacam nas obras de ficção cientifica. Este livro Guerra do Velho foi sua obra (um romance) de estreia.

Nesta história a humanidade trava uma batalha com alienígenas pela conquista dos planetas habitáveis que se encontram disponíveis.

Só podem fazer parte do exército aqueles que tiverem mais de 75 anos. Isto só é possível através de muitos avanços da tecnologia.

  1. Neuromancer – William Gibson

Talvez você não reconheça esta obra por este nome. Mas e se você souber que ele deu origem ao famoso filme Matrix? Muito antes da chegada da internet, este livro abordava a teoria do ciberespaço. Este mundo virtual pode ser acessado por implantes neurais.

  1. A máquina do tempo – H.G. Wells

No gênero da ficção cientifica, este romance é classificado como a primeira obra (1895) que propõe a concepção de viagem no tempo. Utilizando um veículo o autor viaja escolhendo o seu destino.

Na história, o personagem autor da proeza é conhecido como o viajante do tempo. Ele desenvolve uma “maquina” que lhe permite viajar pela quarta dimensão. Nesta viagem ele chega ao ano de 802.701 onde conhece uma sociedade remanescente de humanos, muito pacífica, que apesar da vida paradisíaca que desfrutam, servem de alimento a uma raça que habita mundos subterrâneos.

  1. 42001: Uma Odisseia no Espaço. – Arthur C. Clarke –

Temas muitos sérios são relatados neste grande clássico da ficção cientifica de 1968 como por exemplo: Guerras nucleares, evolução tecnológica e o avanço da inteligência artificial.

Conheça outros 7 livros clássicos da ficção científica que vale a pena ler:

Bambuterapia o que é, e como funciona

Atualmente, a vida está bastante corrida e estressantes, o que torna a rotina bem pesada. No entanto, existem alternativas como a bambuterapia que podem ajudar nessa questão.

O fato é que as técnicas de relaxamento estão sendo cada vez mais procuradas, especialmente para aquelas pessoas que necessitam aliviar as tensões do dia a dia.

Isso sem falar que a busca por um corpo atraente e mais bonito também é uma tendência crescente, visto que isso tem uma relação direta também com o bem estar pessoal.

Dessa forma, diversas técnicas do mundo inteiro vão se espalhando e se popularizando em outras localidades, apresentando sempre novas formas de aplicação, materiais e benefícios.

Com isso, é possível conquistar sempre novos resultados através de técnicas inovadoras e cheias de vantagens.

Então, se você quer saber um pouco mais sobre a bambuterapia, continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber sobre esse assunto. Vamos lá?!

O que é bambuterapia?

Para quem não conhece, a bambuterapia nada mais é do que uma técnica de origem francesa, que atua oferecendo benefícios tanto estéticos como de bem-estar físico, embora muita gente acredite inicialmente que ela é chinesa, o que é um engano.

A técnica consiste em utilizar diferentes tamanhos de bambus para massagear o corpo.

Assim ela está mudando a vida de muitas mulheres no mundo inteiro. Isso porque a promessa é que a técnica ajuda a remodelar o corpo, diminuir as medidas e ainda a relaxar muito.

Além disso, considerando o aspecto estético, a bambuterapia ainda atua como uma drenagem linfática muito eficiente, ajudando a combater a retenção de líquidos. O melhor dito tudo é que as peças de bambu ainda contribuem para a eliminação do tecido adiposo.

Além disso, o uso do bambu no faz pressão no corpo, aliviando a tensão muscular, os dores na musculatira e aumentando a sensação de bem-estar.

Como funciona a bambuterapia

Uma sessão dessa técnica deve ter a duração de cerca de 40 minutos e é feita com o cliente usando uma roupa de banho.

De uma forma bem simples, o profissional especialista na técnica irá usar os bambus para aplicar uma massagem no corpo do paciente. Para potencializar os resultados, são usados diferentes tamanhos de bambus.

Assim, o profissional irá escolher o tamanho de bambu mais indicado para a parte do corpo do paciente e vai usá-lo para aplicar pressão em diferentes pontos do corpo, rolando o bambu.

Os valores podem variar bastante de acordo a região e o local escolhido para a realização do procedimento. No entanto, é um tipo de técnica que melhora com a frequência, então, diversos centros de estética oferecem opção de pacotes de massagem.

Quando é indicada a bambuterapia

A bambuterapia é uma técnica que traz benefícios para a saúde estética e física, ou seja, ajuda a modelar o corpo e aumenta o bem estar físico.

Então, ela é indicada quando o paciente deseja os seguintes benefícios:

  • Diminuição da celulite
  • Ajuda a combater a gordura localizada
  • Atua contra a flacidez
  • Promove a diminuição das medidas

Vale lembrar, porém, que esse tipo de técnica não deve ser aplicada em pacientes com câncer, diabetes ou trombose, que são as mesmas contraindicações de uma drenagem linfática, por exemplo.

Porque utilizar bambus

Pois bem, de início pode até parecer meio estranho usar esse tipo de material para a aplicação de massagens. No entanto, a superfície do bambu é regular, fazendo com que ele seja considerado um ótimo material para massagem, visto que desliza bem pelo corpo.

Mais do que isso, segundo os orientais, o bambu significa leveza e força ao mesmo tempo.

Justamente por causa dessas suas características é que ele pode proporcionar uma massagem com bastante firmeza, mas sem machucar ou causar danos ao paciente.

Vale ressaltar ainda que a bambuterapia não apresenta quaisquer tipos de efeitos colaterais. Por isso é que ela pode ser feita em pessoas de qualquer idade ou sexo.

Porém, como já foi dito anteriormente, ela possui ação modeladora e é por isso que ela é contraindicada para pacientes que possuem câncer, trombose, diabetes, entre outras condições crônicas.

A boa notícia é que essa técnica é muito benéfica para o tratamento de celulite, flacidez e também na eliminação de gordura localizada.

Sendo assim, é comprovado que a bambuterapia traz uma série de benefícios. Porém, o mais indicado é sempre falar com um médico antes de adotar qualquer tipo de procedimento, incluindo aqueles que são estéticos.

Se o médico aprovar, pronto, basta relaxar e aproveitar todos os benefícios que a bambuterapia pode oferecer para você e para o seu corpo.

Então, agora você já sabe um pouco mais sobre a bambuterapia, como funciona, para que serve, como é feita e quais as indicações desse poderoso tratamento. Aproveite essas informações e boa sorte!